Coluna Fora do Eixo 364 – Ji-Paraná

A Casa FdE Rondônia, através da #ColunaFdE364 chega a Ji-Paraná, primeira cidade a receber a visita do Fora do Eixo. A equipe está sendo recebida na hospedagem solidária, casa do Raphael Amorim  e Samira Lima (Coletivo Interior Alternativo), facilitando a troca de conhecimento, e já encaminhando uma reunião para debater a cena local, e o andamento dos trabalhos desenvolvidos pelos coletivo.

Foto: Neila Azevedo

A primeira reunião geral da coluna 364, que aconteceu na escadaria da Biblioteca Municipal,  recebendo mais de 40 convidados, dispostos a debater sobre novas possibilidades para cultura e movimentos sociais. Cada participante fez uma apresentação dos seus trabalhos e experiências,  compartilhando com todos, as dificuldades que Ji-paraná enfrenta, e possíveis encaminhamentos para solucionar algumas barreiras.

Foto: Meryelle

A Cafe-RO apresentou a rede Fora do Eixo, facilitando o entendimento sobre os pontos de rede espalhados pelo brasil e América  Central e as frentes de trabalho que os coletivos desenvolvem.

A reunião teve o intuito de integrar novos quadros a rede, fortalecendo os pontos dentro do estado de Rondônia, agregando cada vez mais colaboradores e parceiros.

Foto: Meryelle

Todos os participantes se mostraram bastantes atenciosos e dispostos, debatendo e tirando dúvidas, mostrando um pouco da realidade local, dificuldades enfrentadas,  felizes e curiosos em conhecer essa rede que integra cada vez mais pessoa.

Desse primeiro encontro, sugiram duas deliberações. Uma reunião com a prefeitura local para discutir o espaço “Gerivaldão” e uma próxima reunião já foi marcada para dar continuidade ao processo que está sendo construído.

Anúncios

Sobre casafdero

A Casa Fora do Eixo Rondônia, é a junção de agentes que atuam na cultura de Porto Velho e Região Norte, ponto Fora do Eixo.

Publicado em fevereiro 8, 2012, em Coletivo Interior Alternativa - Ji-Paraná, Coluna Fora do Eixo 364, Rondônia e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Poxaa, bom saber q a cultura de Jipa e RO no contexto geral não foram abandonadas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: